Serenidade

Sensibilidade...

15 dezembro 2007

Incógnita prisão

(Foto de Serenidade)


Aprisionada ao incógnito do nada,
ter o sorriso do Sol,
na Lua o farol.
Alma fica presa às pedras da calçada,
magoada, pegada solitária, acompanhada!
Prisioneira de um sentido sem sentido,
razão sem comiseração,
ser ausente de gotas de orvalho, partilhadas,
da semente que não brota, atribulada.
Cativeiro que envolve o mar da nostalgia,
revolto, transmite harmonia.
Lá, onde o abraço é imenso,
enigmático rosto sereno,
enclausurado nas águas delicadas,
verdes e azuis, apaixonadas,
corpos encarcerados.
Clausura emudecida da visão,
grito sem audição.

Ânimo viaja na ausência do vivido.
Peregrina. Natural de um mundo incógnito.
Nada é, na grandiosidade da alma,
no ser metamorfoseado, anónimo.

Aprisionada ao incógnito do nada,
sorte surge iluminada.
Sorte? Um querer imenso.
Viver intenso.
A ponte sem cais de saída,
impede a ida.
Prevalece o desconhecido,
no quadro obscurecido,
uma paleta multicolor,
no âmago do sabor.
Perfume a maresia d’aquém,
aporta nos olhos de quem convém.
Ignorada, a cegueira minha, subsiste,
insistência que persiste.

Aprisionada ao incógnito do todo,
na unicidade vislumbra o fabuloso,
das pontes construídas, interceptadas,
na tela construída, sem cores incomodadas.






"Na prisão dos sentidos o Amor prevalece, na certeza do nevoeiro se dissipar e o Sol voltar a brilhar."


24 Comments:

At 14/12/07 18:56, Blogger Menina do Rio said...

Aprisionada,
anseias por libertar-te
no todo
Alma solitária
apaixonada,
cativa,
E no nada
que emudece a visão
um viver
intenso...

Linda Serena serenidade, neste mar de nostalgia, transmites harmonia...

Tem um delicioso final de semana

beijinhos e obrigada pelo teu carinho

 
At 14/12/07 21:10, Blogger Maria Luar said...

no trilho da poesia encontrei encantado canto.
Um abraço

 
At 14/12/07 21:24, Blogger efvilha said...

Olá, serenidade.

Tanto nos fala o cosmo, tanto nos instiga a com ele nos comunicar, que somos como que despidos de quaisquer sentidos.

Beijo de Paz, em ti.

 
At 14/12/07 23:11, Blogger Joseph said...

Carla
Olá

Ai, ai, ai,...
Lá voltam os nózinhos...
O amor prevalece, só que anda a deambular pelo poema, ora preso, ora solto...

"ignorada, a cegueira minha, subsiste
insistência que persiste.

É sempre um prazer ler-te.

Beijinhos amigos e um bom fds.
(Aparece)

 
At 14/12/07 23:31, Blogger oceanus said...

O poema, como sempre é lindo.
mas "na prisão dos sentidos o Amor prevalece" Será?? Ás vezes duvidamos mesmo do Amor...ás vezes.

bjs

bom fim de semana

 
At 15/12/07 11:09, Anonymous Diablo - Fábio said...

Para ti:

Rosa e TU

Rosa
Linda e bela
Um pouco espinhosa
mas sempre charmosa.

Tu és igual à Rosa
Linda, bela,
e charmosa.

Quando vejo
uma Rosa
vejo-te a Ti,
linda e formosa.

FIM.

ABC.
Bom fim de semana, com muita serenidade.

 
At 15/12/07 11:19, Blogger FERNANDA & SONETOS said...

Olá Serenidade, passei e adorei!!!
Deixo-te um abraço de carinho e amizade.
Fernandinha

 
At 15/12/07 17:22, Blogger Diva said...

O amor sempre prevalece. Certo como tudo... ou certo como nada. Depende...
Bjs meus

 
At 15/12/07 18:14, Blogger Kapikua said...

surpreendes-me sempre!

beijo e bom fds!

 
At 15/12/07 19:51, Blogger Obscuridade Translúcida said...

As prisões são uma opção, umas não são fáceis de ser evitadas, outras não querem ser largadas...

 
At 15/12/07 20:28, Blogger david santos said...

Passei para desejar-lhe um bom final de 2007 e um bom ano de 2008.

 
At 15/12/07 22:55, Blogger su said...

A serenidade do tudo e do nada em perfeira harmonia completam-se no que É, no que EXISTE como é...dependendo de circunstâncias e de momentos...
Que tudo seja sempre baptizdo a um querer viver imenso.

Beijos grandes aqui da Teia.

 
At 15/12/07 23:44, Blogger Kalinka said...

OLÁ CARLA
...encosta-te a mim...!!!

Vou começando, aos poucos a deixar umas imagens alusivas ao Natal.
Estamos em contagem decrescente. Entretanto vou sabendo de coisas, e gostaria de as divulgar, quem sabe, possa interessar alguma delas?
Daí que o título seja:
SABIA QUE...

FESTAS FELIZES.

 
At 16/12/07 11:26, Blogger Papoila said...

Neste sentir prisioneiro buscamos alguma libertação.

Beijocas e Bom Natal
BF

 
At 16/12/07 12:08, Blogger Men in Rose said...

bela serenidade

 
At 16/12/07 16:27, Blogger Artur Moura Queirós said...

Porque em cada palavra senti o chamamento da esperança, é para lá que vou o reino em que o nevoeiro é passageiro...:)

 
At 16/12/07 19:09, Blogger Chama Violeta said...

Olá querida amiga! Bem ajas por tu existires também!
Desde já, desejo-te um ótimo Natal,com muita paz e amor e, que o Ano Novo que se aproxima, seja repleto de alegria e esperança!
Fica bem, beijinhos de luz!!!

 
At 16/12/07 21:38, Blogger Silvia Madureira said...

Quem Ama acredita...acredita sempre que o sol não deixa de brilhar e que nunca se dará o eclipse solar.

beijo

 
At 17/12/07 11:04, Blogger sonho said...

Desejo-te um Natal repleto de Felicidades, de Amor e Paz.

Que tenhamos a consciência que o rancor, o ódio, e outros sentimentos mesquinhos a nada levam, apenas corrompem nossa alma.

Que tenhamos a Paz de Espírito para o discernimento correcto de que estamos a fazer aquilo que é justo e correcto para nós e nossos semelhantes.

Que tenhamos o prazer de ser útil a alguém. E que o novíssimo ano 2008, seja um ano de muitas transformações e realizações para todos, não só no campo material, mas principalmente na nossa alma, no nosso "eu" interior.

Desejo-te o que for justo, belo, sereno e louvável ao olhos do criador.

Que neste Natal os anjos desçam do céu e iluminem o teu sorriso para que ele se torne tão sincero quanto o sorriso de uma criança.

E que tu transmitas a paz e o amor a todos aqueles
que se aproximarem de ti.



Feliz Natal e Próspero Ano Novo

Sonho

 
At 17/12/07 18:42, Blogger Plum said...

Belas palavras de poeta!Abraços!***

 
At 17/12/07 23:42, Blogger Joseph said...

Mensagem de Natal:

Enquanto a infância acreditar em magia...
Enquanto existir o clarão das velas
E as canções forem cantadas com alegria
Enquanto o amor entrar pelas janelas!

Sempre haverá Natal...

Enquanto a fé habitar em nossos corações
E as estrelas reluzirem com luz...
Enquanto caminharmos em busca de emoções
E o brilho do Céu nos conduzir
ao Menino Jesus,

Então haverá Natal...

FELIZ NATAL/2007

 
At 18/12/07 08:25, Blogger @zulebranco said...

São coisas da vida, surpresas que acontecem,as tuas palavras embelezam, têm a virtude até da tristeza colorir, vem hajas por assim seres, poema bonito com conteúdo e até com algumas palavras perigosas como unicidade...., Um sorriso grande para ti

 
At 18/12/07 10:56, Blogger Branca said...

Olá amiga!
Hoje apenas viajo por aqui para te desejar umas festas repletas de amor,
paz, harmonia e equilíbrio!
Afinal, esta é de todas as festas a que mais toca o mundo, pois é um momento de reunião em pleno espírito de amor com aqueles que amamos...
É um momento de renascimento pessoal através da força do amor...
Vamos aproveita-lo para renascer! Fica bem! Beijinhos :)

 
At 18/12/07 19:47, Blogger Pepe Luigi said...

Passei para desejar um Feliz Natal e um Bom Ano de 2008.

 

Enviar um comentário

<< Home

Free counter and web stats