Serenidade

Sensibilidade...

27 novembro 2008

Pétala caída


(Foto de Serenidade)


Uma pétala levada pelo vento,
sussurra palavras de momento,
de amor e bem-aventurança,
sem nunca perder a esperança.
Um dia, sem dia marcado,
a voz melódica se ouvirá,
e teu rosto, luz, irradiará,
pelo sorriso dado desesperado,
tanto tempo aprisionado;
pelas lágrimas de felicidade,
e libertação da ansiedade.
O momento presente vivido,
está em meu pensamento,
embora não tenha ocorrido.
Prevejo a hora, breve, da demanda,
do abraço intenso dado,
dos risos soluçantes cruzados,
dos olhares, luminosos, enlaçados.



"Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos - não importa o nome que damos, o que importa, é deixar, no passado, os momentos da vida que já se acabaram..."

7 Comments:

At 27/11/08 09:04, Anonymous Anónimo said...

Traduzes por palavras os meus sentires. És linda meu amor. Um mimo

 
At 27/11/08 22:04, Blogger Carol said...

Lindo!

 
At 28/11/08 08:45, Blogger @zulebranco said...

Meu sorriso grande de sempre....

 
At 28/11/08 17:59, Blogger gaivota said...

lindo este cato, bela foto e bom texto com pétalas, perfumadas, para te desejar um bom fim de semana
beijinhos

 
At 29/11/08 00:33, Blogger Juℓi Ribeiro said...

Querida amiga:

É sempre uma grande alegria receber sua visita!

A foto está belíssima e seu
poema está ecantador.
A imagem e as palavras unidas
pela sua sensibilidade,
deslumbram a todos os que
tem o privilégio de te visitar.
Receba um grande abraço carinhoso,
repleto de admiração.
Beijo.

 
At 30/11/08 00:53, Blogger Sei que existes said...

Lindo poema e foto!
Beijo grande

 
At 1/12/08 15:44, Blogger IsaMar said...

É preciso nunca perder a Esperança. É preciso ter muita força quando algo cai.

bjs

 

Enviar um comentário

<< Home

Free counter and web stats