Serenidade

Sensibilidade...

06 janeiro 2009

Desfruto o planeado


Foto de Serenidade
Planeio uma vida risonha,
por entre a caótica multidão
onde os sonhos se transformam
e aparece o gosto da desilusão.

Dissabor da vida, em vista de sorrir,
percorre as vértebras do pilar patriarcal,
dos alicerces deveras aturdidos,
na ausência da sensibilidade maternal.

Planeio um ciclo de ilusões,
onde a realidade é fantasia,
num período de devaneios,
onde o sonho me acaricia.

Nas sublimes alucinações, caminho,
entre veredas sinuosas
e ornamentadas estradas.
Os
sonhos de menina, trilho,
com passadas amedrontas.

O sonho, um cenário de realizações,
um ninho ornamentado de ilusões.
Dele não quero mais sair,
nele (em ti) desfruto minhas paixões.




"Ninguém pode estar, ao mesmo tempo, no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco. O que passou não voltará...
"


12 Comments:

At 6/1/09 14:25, Blogger Tatiana said...

Nossa que lindo!
E o fechamento que deste foi para sacudir a alma!

Sempre muito bom estar aqui!

Beijos com muito carinho

 
At 7/1/09 08:30, Blogger @zulebranco said...

Nem tudo o que parece é, no entanto uma lágrima é uma lágrima e um sorriso continua a ser um sorriso, a vida é feita de pequenos nadas de sonhos e frustrações....e no entanto o Sol volta sempre umas vezes alegre e quente outras meio envergonhado e a somir como a vida como os sonhos....Sorriso grande para ti

 
At 7/1/09 12:57, Blogger gaivota said...

é lindo, é como a água, a mesma água não passa duas vezes debaixo da mesma ponte...
beijinhos

 
At 7/1/09 17:47, Blogger Menina_marota said...

O sonho comanda a vida... e por vezes só existe mesmo isso... o Sonho!

Um excelente 2009 povoado de sonhos realizáveis.

Bj ;))

 
At 7/1/09 19:26, Blogger Isabel José António said...

Querida Irmã,

Que belo poema, como de costume.

Mas as intenções são quem comanda as nossas acções (quer aceitemos ou não esta ideia). Assim, as nossas intenções se forem positivas, far-nos-ão percorrer um caminho também positivo, embora possa não se ver imediatamente.

Parabéns. Um grande abraço da Isabel e outro meu.

Que este ano de 2009 te traga mil pontecialidades de realizações, mesmo no meio de grandes dificuldades.

José António

 
At 7/1/09 22:38, Blogger Menina do Rio said...

A vida é essa mistura de realidade e ficção, onde os sonhos alimentam a alma e a realidade, bem...essa corre por nossa conta e risco!

Um beijo pra ti

 
At 8/1/09 11:14, Blogger Secreta said...

Planear tb é viver! O que conta é sentirmo-nos bem em todas as nossas condições.
Beijito.

 
At 9/1/09 12:45, Blogger AnaMar (pseudónimo) said...

Como eu necessito de serenidade, neste momento...

 
At 9/1/09 18:26, Blogger Susn said...

Que o sonho te acaricie neste jardim de palavras.

Beijos doces

 
At 10/1/09 13:36, Blogger IsaMar said...

Olá Carla.
Bonito poema.
É sempre bom termos objectivos na vida. Planear a vida, lutar pelos nossos sonhos.
Os erros, servem para aprendermos com eles. Tornando-nos mais fortes e resistentes para a Vida.
Beijinhos

 
At 11/1/09 19:36, Blogger Isabel José António said...

Quando puder, passe também nos nossos outros blogues, npmeadamente no Poesia Viva, no Observatório e na Newsletter from Lisbon.

Um xi coração da

Isabel

 
At 12/1/09 11:47, Blogger Maria Clarinda said...

(...)Ninguém pode estar, ao mesmo tempo, no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco. O que passou não voltará... "

è maravilhoso visitar o teu blog e passar estes momentos de calma e absoluta serenidade que nos transmites!
Obrigada!!!!

 

Enviar um comentário

<< Home

Free counter and web stats