Serenidade

Sensibilidade...

05 junho 2007

Retalhos de mim


(Foto de Serenidade)


Réstias de retalhos de mim,
gritos surdos de alegria e dor,
murmúrios apregoados ao vento,
uma súplica com tanto louvor!

A cigarra canta na noite escura,
timbres ecoados, voz apagada,
na ausência da feiticeira lua,
encontram-se os amantes apaixonados.

As palavras por proclamar,
voam ao sabor da ventosidade,
embatem no rochedo da saudade,
voltam a mim... que felicidade!

Pedaços de locuções sem letras,
rios de águas estagnadas,
lagos de prantos correntes,
almas sentindo-se aprisionadas.

Uno bocados magníficos de mim,
espalhados na suave aura do mar,
acarinho-os com imensa meiguice,
no meu regaço … para os amar.

Profiro-lhes palavras recolhidas,
a aragem do além me conduziu,
enaltecem de sublime gáudio,
no meu ser, que então, sorriu!

"O coração do Homem é um instrumento de muitas cordas.

O perfeito conhecedor da pessoa

sabe fazê-las vibrar todas, como um músico."

Charles Dickens

26 Comments:

At 4/6/07 20:57, Blogger Alê Namastê said...

Boa semana! Beijos*

 
At 4/6/07 21:18, Blogger Oficina dos Risos said...

"O conhecimento próprio leva-nos como que pela mão à humildade".
(Josemaría Escrivá)

Deixo-te aqui um sorriso GRAAAAAANDE para o começo de uma excelente semana! ;)

Beijos e Risos... :)

 
At 4/6/07 21:41, Blogger tufa tau said...

a meiguice é imensa... gosto da meiguice

 
At 4/6/07 22:04, Blogger efvilha said...

Há, nos teus versos, um ritmo pulsante, como que que mapa de um coração vibrante. E, no entanto, tudo recende a serenidade.
Beijo imenso de paz.

 
At 4/6/07 23:32, Blogger MiaHari said...

Olá serenidade,

Muito belo o teu poema e, muito bela esta passagem de Charles Dickens.
E digo eu: cantam meus sonhos ribeiro abaixo....

Obrigada pelo teu cuidado, a colectiva em que participo tem estado a correr bem,pelo menos em termos de visitantes.
Beijinho.

 
At 5/6/07 00:22, Blogger Chama Violeta said...

Lindo amiga! Quando te leio,fico a pensar em cada palavra,pois me vejo em muitos de seus poemas.
É algo mágico!
Boa semana para ti e beijos de luz violeta! Visita-me em meu outro blog...

 
At 5/6/07 01:37, Blogger Lu@r said...

Momento de magia...

Perdi-me nas tuas doces palavras

Beijo doce

 
At 5/6/07 08:49, Blogger @zulebranco said...

Bom dia,
as palavras proferidas, com tanta paixão, são pérolas sentidas de uma luminosidade única da poetisa que deixa exteriorizar o que vai dentro....Bravo....Um sorriso grande

 
At 5/6/07 10:04, Anonymous Secreta said...

Um poema belissimo , como já nos acostumaste.
Beijito.

 
At 5/6/07 16:34, Blogger Moura ao Luar said...

Um beijo

 
At 5/6/07 20:19, Blogger Plum said...

e as tuas palavras voam!!!!*

 
At 6/6/07 09:22, Blogger Kalinka said...

CARLA

Logo cedo te visito.
Venho em busca de algo.
Preciso urgentemente de afecto,
sinto-me a desfalecer,
não sei onde me encostar,
um porto de abrigo,
um ombro amigo,
quem sabe, dar-te a mão...
sentir o toque, o calor
um brilho nos olhos,
quem me ajuda? Preciso.

Votos de Bom Feriado.
Beijitos com carinho.

 
At 6/6/07 14:30, Blogger Pierrot said...

As palavras por proclamar,
voam ao sabor da ventosidade,
embatem no rochedo da saudade,
voltam a mim... que felicidade!


Extraordinario
Não consigo sequer comentar ou acrescentar uma virgula que seja
Bjos e excelente escolha
Eugénio

 
At 6/6/07 14:36, Blogger Pierrot said...

As palavras por proclamar,
voam ao sabor da ventosidade,
embatem no rochedo da saudade,
voltam a mim... que felicidade!

Não ouso sequer acrescentar uma virgula
Bjos daqui e optima escolha
Eugénio

 
At 6/6/07 15:32, Blogger brisa de palavras said...

Talvez a dificuldade não seja em fazer vibrar as cordas, mas sim conhecer como tocar cada corda...
um abraço


brisa de palavras

 
At 6/6/07 16:46, Blogger sonhadora said...

Lindo!!!
Beijinhos embrulhados em abraços.

 
At 6/6/07 19:01, Blogger Miudaaa said...

apetece-me dançar e voar dentro das tuas palavras...
um beijo da miudaaa

 
At 6/6/07 20:15, Blogger oceanus said...

Sinto nas tuas palavras tonalidades de solidão e de magoa...
Deixa voar com o vento essas palavras, elas voltam, voltam sempre. Mas volta tambem a alegria e a felicidade...

bfs

beijinhos de mar
Oceanus

 
At 6/6/07 21:03, Blogger Bia said...

magnifico poema, e adorei a frase de Charles Dickens, temos que nos conhecer a nós mesmos, enquanto não o fizermos não conseguimos tocar a canção da vida.
Um beijo

 
At 6/6/07 23:08, Blogger =^.^= Tarina =^.^= said...

É a harmonia que temos de conseguir para sermos felizes... Charles tinha razão... vamos todos dar novos timbres e novos tons...

Vamos cantar!

=^.^=

 
At 6/6/07 23:54, Blogger Som Do Silêncio said...

Palavras... não são mais que meros sons pela nossa boca pronunciadas...

Como sempre é um prazer lêr os teus poemas.

Um Beijo em Silêncio

 
At 6/6/07 23:59, Blogger impulsos said...

Serenamente li o teu poema feito de retalhos de ti.
Serenamente me revi também em alguns desses retalhos teus.
Serenamente me deixei embalar e ousei também, recordar retalhos meus...

Serenamente me vou retirar, levando ainda na memória fresca... retalhos teus e meus.

"Profiro-lhes palavras recolhidas,
a aragem do além me conduziu,
enaltecem de sublime gáudio,
no meu ser, que então, sorriu!"

Serenamente te imagino a sorrir...

Beijo num impulso

 
At 7/6/07 20:15, Blogger Entre linhas... said...

Grane poema,magnífico pela sua beleza contextual assim com a frase de Charles Dickens,palavras sábias.
Bom fim de semana
Bjs Zita

 
At 7/6/07 22:55, Blogger Ghandy said...

Só para deixar um bj.
fica bem

 
At 7/6/07 22:58, Blogger o alquimista said...

São tantas, as palavras, ditas ao deus dará, envoltas em doçura, amargas, alguém sempre as terá. São chicote, são terno, afago, são o sol da ilusão, são perversas ou vil loucura, são, o querer a contradição, não deixam marcas na areia...

Espero-te para um sortilégio de ternura


Doce beijo

 
At 8/6/07 13:03, Blogger Oficina dos Risos said...

Vim deixar um SORRISÃO de bom fim-de-semana!!! Apesar do tempo não estar de muito bom humor, nós estamos!!!(ou pelo menos, fazemos por isso, hihihi)

Beijso e Risos... :)

 

Enviar um comentário

<< Home

Free counter and web stats