Serenidade

Sensibilidade...

29 janeiro 2007

... minha melodia...


Há muito não te procuro
há muito não te vejo
mas em mim te encontras
em ti me sinto e prevejo.

Trazes-me serenidade
paz, momentos de harmonia,
em ti deixo o pranto
nos dias de agonia.

Tuas lágrimas… doces e salgadas
beijam pedaços de mim
feitos em areia se transmutam
e exultam em frenesim.

A ti segredo os desejos
da minha alma enclausurada
que sobe em tua procura
e desce amargurada.

Contigo danço a dança
da liberdade e da clausura
sempre juntos e envolvidos
omitimos o fim … a procura.

A ti procurarei, mais cedo que imaginas
já não aguento tua ausência
minha distância forçada…
… és tu minha harmonia.

Bailo a dança do encontro
envolta em tua energia
mesclas de emoções
e tu… minha melodia.

23 Comments:

At 29/1/07 02:29, Blogger Bruxinhachellot said...

Eis uma melodia lapidada por substâncias especiais: serenidade, lágrima, desejos, liberdade, ausência, emoções...

Beijos de manhã de Sol.

 
At 29/1/07 08:21, Blogger @zulebranco said...

Bom dia amiga a procura, serenidade e melodia estão em ti.....também a felicidade com esses predicados te irá encontrar....beijo grande

 
At 29/1/07 11:17, Blogger Delfim Peixoto said...

Ok, é assim...desculpa, mas é sem qqer presunção: tens um erro na primeia palavra do versoque deverá ter um H, acho eu. Fora isso, como sempre está um poema lindo
jnhs

 
At 29/1/07 20:55, Blogger serenidade said...

Pois bem delfim, muito obrigada e aqui ficas as minhas desculpas, para o bom português, nem me tinha apercebido...

 
At 29/1/07 21:47, Blogger o alquimista said...

Nesta noite estrelada, do meio do atlantico bem na margem da lagoa...acontece o feitiço...e toco a tua melodia...


doce beijo

 
At 29/1/07 22:19, Blogger Ghandy said...

melodia melodiosa que desperta os sentidos e faz suspirar a alma...
Fica bem
bjs

 
At 29/1/07 22:29, Blogger Naeno said...

Lindo poema. Eu tirei muitas coisas que acontecem comigo, que anseio, que vigoram em minha vida nisto que escrevestes.

Um beijo,

Naeno

 
At 30/1/07 00:27, Blogger poca said...

tão bom ter algo que nos faz escrever assim... e que nos dá tal... serenidade

 
At 30/1/07 06:14, Blogger Juℓi Ribeiro said...

Lindo!

A tua melodia,
se escuta em cada linha,
dos mágicos versos
que tu escreves!

Beijo.*Juli*

 
At 30/1/07 12:45, Blogger @zulebranco said...

Palavras muito sentidas de alguém que se procura na distância, e na ausência....talvez perto talvez longe, no desencontro estabelecido ou nas pontas do reencontro de um dia que será...... beijo muito sereno

 
At 30/1/07 13:25, Blogger * Ju * said...

Boa dança... ao som da tua melodia, só tua...

beiju enorme, com saudades*
e obrigada por mais um momento... melodioso :) ***

 
At 30/1/07 18:01, Blogger Artur Moura Queirós said...

Gostei muito do sentido rítmico das palavras e da forma como elas dão cor aos sentimentos...:)

 
At 30/1/07 20:34, Blogger Betty Branco Martins said...

Querida Carla

Olá Voltei:))

O meu comentário de hoje, tem que ser assim um simples – olá e um muito sentido – obrigada – pela visita na minha ausência.

Isto é para eu ter tempo de visitar a todos.

Beijos com muito carinho

 
At 30/1/07 20:34, Blogger Betty Branco Martins said...

Querida Carla

Olá Voltei:))

O meu comentário de hoje, tem que ser assim um simples – olá e um muito sentido – obrigada – pela visita na minha ausência.

Isto é para eu ter tempo de visitar a todos.

Beijos com muito carinho

 
At 30/1/07 20:35, Blogger Betty Branco Martins said...

Querida Carla

Olá Voltei:))

O meu comentário de hoje, tem que ser assim um simples – olá e um muito sentido – obrigada – pela visita na minha ausência.

Isto é para eu ter tempo de visitar a todos.

Beijos com muito carinho

 
At 30/1/07 20:35, Blogger Betty Branco Martins said...

Querida Carla

Olá Voltei:))

O meu comentário de hoje, tem que ser assim um simples – olá e um muito sentido – obrigada – pela visita na minha ausência.

Isto é para eu ter tempo de visitar a todos.

Beijos com muito carinho

 
At 30/1/07 20:59, Blogger DE PROPOSITO said...

A TUA MELODIA, uma forma de dares asas à tua fértil imaginação.
fica bem.
E a felicidade juntinho de ti.
Manuel

 
At 30/1/07 21:27, Blogger o alquimista said...

Sempre que a tarde cai soltam-se as amarras ao pensamento, sente o encanto da brisa, olha o sorriso da lua...
Desejo-te uma semana cheia de sonho, de mil venturas.


Doce e terno beijo

 
At 30/1/07 22:03, Anonymous unicus said...

Desculpe-se o erro e fique-se com a beleza das palavras.
Bjs

 
At 30/1/07 22:53, Blogger hl said...

Serenidade as palavras que escreveste no blog da off, fizeram-me muito muito bem, obrigado:)

 
At 31/1/07 14:24, Blogger serenidade said...

hl,

fico feliz por isso, mesmo muito muito feliz...
(ia agradecer-te no teu espaço, mas parece que não tens blog, ou enganei-me?)

Um beijo de luz serena para Ti.

 
At 1/2/07 12:24, Anonymous Mel said...

Minha querida,
E cheguei ao cimo .... depois de palmilhar com muito carinho os teus poemas.

Que o Mar te traga sempre, envolto em espuma o sonho, a esperança, a serenidade... e que em cada vaga do mar, encontres sempre a melodia-alquimia, a musa para nos continuares da dar esta corrente de palavras ...

Bjs de Mel, cheios de sal do meu mar ...

 
At 5/2/07 14:22, Anonymous Aflor said...

Já sentes a melodia do encontro que pressentes estar para breve!
Boa viajem!
Fica bem!
Aflor

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Free counter and web stats