Serenidade

Sensibilidade...

03 outubro 2006

Maravilhosa melodia!


A melodia entra em mim,
percorre os mais recônditos espaços do meu corpo...
é embalado pela maravilhosa melodia,
acarinhado pela melodiosa e doce voz,
encontra Paz e Esperança no que o belo poema transmite.
Quero fechar os olhos no anoitecer que trás a certeza da aurora e,
seduzida pelas hortênsias azuis,
fundir-me com o Céu, a Terra e as Estrelas espalhadas pelo Universo
encontrar o Amor e …
…ficar enfeitiçada por Ele!

11 Comments:

At 3/10/06 21:56, Blogger IsaMar said...

Isso mesmo...Esperança de encontrar o Amor. E nada melhor que uma música para ajudar a descontrair e encontrar Paz de espirito.
Os feitiços que esperas serão muito mais belos quando o encontrares...porque uma pessoa bela interiormente transparece tudo o que tem de melhor.
Esse momento será verdadeiro e único.

Confia. Beijos muito carinhosos

 
At 3/10/06 22:07, Blogger Ghandy said...

Há-des me dizer que música te põe assim tão inspirada..
Fica bem
Bjs

 
At 4/10/06 12:54, Blogger o alquimista said...

Tão infinitamente bonito, tal como a tua alma...

Doce eterno beijo

 
At 4/10/06 13:53, Blogger Miudaaa said...

Depois de ler-te, a única coisa que posso fazer é oferecer-te uma melodia, para juntares às muitas que ouves, vibras e amas... espero que gostes... espreita o teu e-mail... "quero fechar os olhos no anoitecer que trás a certeza da aurora..." e que acredites que o "Feitiço" EXISTE...
1 beijo da miudaaa

 
At 4/10/06 14:32, Blogger efvilha said...

Daqui parte outro canto, nesta breve lavra poética:

Deus!
Pode o nosso frágil peito resistir ao turbilhão cósmico que é a nossa perene busca pelo amor?
A nós, pérolas de uma existência efêmera engastada neste planeta azul, cabe procurar por esse sonho, talvez impossível, do encontro do amor duradouro, eterno, se ele parece existir apenas nas longínquas fímbrias do Universo, tão distante parece estar.
Resta-nos o canto poético como se fosse o sinal desesperado que clama por respostas que tanto tardam a chegar.
Belos cantos que se consomem nessas distâncias infinitas das nossas buscas, que são tantas.

 
At 4/10/06 15:02, Blogger José Pedras said...

gostei da "música" e foi óptimo poderes partilhar a tua energia com todos nós na Diksha. Espero ver-te mais vezes por aqui. É maravilhoso ver a evolução.

 
At 4/10/06 19:21, Blogger Nokinhas said...

Lindo poema onde transparece a esperança de encontrar o Amor... Força nessa caminhada que espero que seja repleta de surpresas agradaveis e feita de momentos muito bons...

Beijinho muito sereno!!...

 
At 4/10/06 20:22, Blogger Miudaaa said...

amiga, não consegui aceder, nem ao teu sapo nem ao teu hotmail... assim o meu "feitiço" não consegue ser entregue o que me deixa :-( !!!
um beijo de miudaaa

 
At 5/10/06 16:07, Blogger o alquimista said...

Passei para te deixar um doce feitiço

 
At 5/10/06 18:51, Anonymous Teresa said...

Olá! Apesar de passar por cá muitas vezes, pois é uma forma de ter notícias tuas, hoje resolvi deixar a minha opinião.
É muito bom deixar a música fazer parte da nossa vida, deixar entrar a melodia, a voz e o q ela pretende transmitir, ou seja, é optimo ouvir e acima de tudo sentir a música.
Espero que a caminhada em busca do Amor, te traga muitas surpresas e te deixe completamente enfeitiçada...

Beijinhos

 
At 6/10/06 12:20, Blogger AS said...

Por vezes, basta um olhar, um gesto, um simples sorriso... e tudo acontece!....


Um beijo....

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Free counter and web stats