Serenidade

Sensibilidade...

06 janeiro 2008

Invento alquímico

(Foto de Serenidade)





A noite se fez dia,
no trilho tortuoso se avistou a harmonia.
Avançado vai o dia, o caminho,
pedras palmilhadas com carinho.
A ausência de mim disfarçada pelo sorriso,
vista, deambulando, na brisa do abismo,
colhida nas ternas ondas corpóreas de um maravilhoso Ser,
logo se avistou o porto almejado, não um parecer.
A luz perdura na clara ausência de um raio,
tempestade tomou o percurso contrário,
nuvens carregadas, longínquas lamúrias,
gotas de água salgada, adocicada na astúcia,
engenho de um lado esquerdo ameigado,
no seu par acolhido, encarcerado.
Voz muda ecoa no âmago da seiva elaborada,
no bem-querer da noite, iluminada,
nos teus ramos construir o ninho,
nutrir a ventura encaminhada por um anjinho.
Datei o dia em que a noite se fez dia,
assinalei no lado esquerdo a sentida alquimia.
O tempo percorrido no querer perdurar o sentir,
noite e dia caminhar no sorrir.
Hoje, a noite é luzidia,
o dia uma serena harmonia.
O tempo passado desde a vereda marítima,
são histórias inscritas nas ondas da alegria.
O mar bonançoso nosso confidente
as gaivotas voando serenamente,
O dia prodigioso, na pioneira noite, depositara a sorte,
oceano nossa unicidade, o norte.
A noite se fez dia,
até os astros sorriem.





"Vive o que até ti vem. O que parte deixa ir. A vida é a certeza de que nada é permanente, mas tudo está certo. Nada acontece por acaso."
Carla

23 Comments:

At 6/1/08 01:47, Blogger Joseph said...

Carla
Olá

Oh querida amiga, isto é demais.
O que eu gosto de te ler... e reler,para te tentar entender e compreender.

Isto não é um elogio, é uma constatação...A perfeição não admite erros!...

Este poema tem uma virtude, que é para onde eu sempre mais olho: a virtude de ter escrito o mesmo verso no princípio e no fim, além dos astros sorrirem...
É lindo Carla.

Os poetas são lindos, são pessoas com sentimentos, com alma, com espírito criativo - ALGUNS NÃO -, com beleza no espírito...

O quanto eu AMO esta minha querida amiga.
5*****

Beijinhos serenos**

(Se puderes, diz-me em que dia e mês fazes anos, para eu te poder dar os parabéns, com o maior prazer, nessa altura.Via email. Não és obrigada a fazê-lo).

 
At 6/1/08 13:02, Blogger Kapikua said...

Depois do elogio do Joseph a única coisa que tenho a acrescentar é que além do que escreves adoro as tuas fotos!

AMEI!

Beijo doce

 
At 6/1/08 19:36, Blogger Papoila said...

simplesmente maravilhoso...

Beijos
BF

 
At 6/1/08 22:53, Blogger Twlwyth said...

Abres as portas do tempo com aromas da Natureza.

 
At 6/1/08 23:23, Blogger Black Rose said...

Vejo alguma tranlucidade nessa obscuridade...

 
At 7/1/08 08:24, Blogger @zulebranco said...

O destino. o acaso, as circunstâncias são sempre factores determinantes em todas as vidas....Quis o acaso que viesse a conhecer a poetisa que descreve imagens de sonho, umas vezes mais vivas outras nem tanto provavelmente depende da circunstância do lugar ou do sentir, eu só tenho que agradecer ao destino esse encontro imperdível que faz sorrir e bem sentir sempre que te leio....Mais um belíssimo poema...Parabéns....Um sorriso grande para ti

 
At 7/1/08 11:03, Blogger tufa tau said...

e da noite se faz dia...

 
At 7/1/08 12:42, Blogger Reflexos said...

um poema muito bonito komo tu pedist aki estou para t dizer k ta muito porreiro n deixes de escrever.
BEIJOS DE REFLEXOS

 
At 7/1/08 12:58, Blogger FERNANDA & POEMAS said...

Olá minha querida, grata pela tua visita.
Adorei ler tão belo poema.

Muitos Beijinos,
Fernandinha

 
At 7/1/08 16:22, Blogger rosa dourada/ondina azul said...

Belo o teu poema,
certeiro o teu comentário !

Boa semana,

Beijinho,

 
At 7/1/08 16:43, Blogger Plum said...

"...o dia uma serena harmonia..."

Abraços!!!***

 
At 7/1/08 21:24, Blogger su said...

Pois...quando estamos em tal perfeição e harmonia de estados de alma até os elementos da Natureza parecem ser nossos cúmplices.
Belíssimo!
Cadenciado como o fluir natural das "coisas"!

:)

P.S. Tenho uma nova amiga a ser apresentada na Teia! ;)

 
At 8/1/08 11:21, Blogger Secreta said...

Um poema que me transmite paz , bem estar ... gostei muito!
Beijito.

 
At 8/1/08 12:57, Blogger su said...

Olá de novo. Já deixei na Teia o historial do nome da Átia!
Beijinhos envoltos em fios de serenidade!

 
At 8/1/08 13:50, Blogger littledragonblue said...

Concordo plenamente com as tuas palavras. A vida é um universo de riquezas, o qual temos de aceitar da melhor forma tudo o que ela nos proporciona, de forma a conseguir-mos aproveitá-la da melhor forma possível.
Ser feliz...
Um beijinho meu

 
At 8/1/08 18:28, Blogger Cöllyßry said...

Vezes há que tenho difuculdade em comentar um poema como este Teu em beleza de escrita...

Bjca doce

 
At 9/1/08 11:16, Blogger rtp said...

Apesar de muito tardiamente, venho agradecer-te os votos que me endereçaste.
Que o Novo Ano te reserve muitas felicidades, sempre com serenidade q.b.! :-)

 
At 9/1/08 18:50, Blogger Reflexos said...

lá estou eu outra vez para te dizer o que uma vez ja te disse
que acabei deler esta muito belo e bonitos
n deixes d escever
=)

 
At 9/1/08 20:23, Blogger multiolhares said...

Como tens razão
Nada acontece por acaso
E o que nos inibe de ver
Essa realidade, são os nossos
Apegos

Beijinhos
luna

 
At 9/1/08 21:29, Blogger NETMITO said...

Até os astros sorriem.

É sempre bom sorrir:)

 
At 10/1/08 17:02, Blogger O Profeta said...

Tens alquimia nas palavras uma rara esublime forma de dizer humanidades em tons de poesia...


Ergui-me ao vento na tua procura
Fundi um abraço com o sol da tua ternura
Modelei o amor com as palavras mais belas
Curso de errante espírito na tua procura

Porque o pensamento é voo de milhafre
Aprisionado em gaiola de palavras
O infinito e o incomensurável
Volto ao encontro das tuas profundas mágoas

Bom fim de semana


Mágico beijo

 
At 10/1/08 19:31, Blogger Cinza said...

Luz a ti..

 
At 12/1/08 00:31, Anonymous Anónimo said...

Querida amiga,
que saudades das tuas frases sempre tão sensatas e oportunas...
Bjs
M.

 

Enviar um comentário

<< Home

Free counter and web stats