Serenidade

Sensibilidade...

11 fevereiro 2014

Viver apaixonadamente

(Foto de Serenidade)

Embrenhei-me num labirinto,
entrei sem pensar, foi puro instinto,
comecei por, o dilema querer resolver,
hoje, olho-o e, simplesmente, planeio viver!
Alimentar-me da luz que me ilumina,
nutrir-me dos sonhos de menina,
beijar o agora que ao meu lado está,
valorizar as bênçãos que a vida me dá!
Entrei no labirinto por querer, não por obrigação,
para mim, estupidamente, a única solução!
Mostraste-me seres mais sábio que qualquer outro sábio,
meu companheiro, meu amor, és o meu astrolábio!
No labirinto de um futuro sem presente,
continuas-te a manter-me à tua frente,
mostraste-me a sapiência da tua existência,
ensinaste-me com amor e paciência,
o quanto o foco deve desviar-se do pretendido,
deixar de sentir-se, com o mundo ferido,
viver o presente da vida, no momento presente,
vivermos o amor, apaixonadamente.

“A medida do amor é amar sem medida.”
 

3 Comments:

At 12/2/14 14:13, Blogger @zulebranco said...

Há muito tempo que não lia o teu sentir, confesso que fiqueo contente por te ler de novo e verificar que a tua paixão pela vida continua no auge,
Bem hajas amiga,
Sê feliz
Bjs

 
At 12/2/14 14:13, Blogger @zulebranco said...

Este comentário foi removido pelo autor.

 
At 10/3/14 23:44, Blogger Serenidade said...

:)

Beijinhos serenos

 

Enviar um comentário

<< Home

Free counter and web stats