Serenidade

Sensibilidade...

02 novembro 2006

Dente de leão!


Qual dente de leão!
voa ao sabor das circunstâncias,
arrastado pelas tempestades…
…pelas brisas…
Dispersa-se
pela imensidão das águas,
dos céus!
Quer ir!
Não quer ficar!
Nem deambular!
Está cansado de estar,
ser quem não é,
e…na solidão expressar-se sem razão
solidão!
ah palavra sentida
e desajustada!
Como as águas dos oceanos…
Engrandecem-se gota a gota
de água salgada …
…lágrimas de quietude e serenidade!
As florestas celebrizam
Arvore a arvore, arbusto a arbusto,
Ah! partilha e companheirismo tão esperado!
Os jardins …
semblante cadenciado de cores, cheiros…
onde se mesclam as mais Formosas
respeitando-se, acariciando-se, embalando-se
com a grandiosidade do
AMOR
Sentido!
Não vivido!
Ama sem saber como!
Vagueando …
... desnorteado?!

6 Comments:

At 2/11/06 16:14, Blogger o alquimista said...

Sublime! Canção da terra com sabor a trigo maduro, lenha a arder em fogo de paixão, brisa envolta em espuma de maresia...

Doce e terno beijo

 
At 2/11/06 20:06, Blogger Miudaaa said...

Um amor para ser vivido,
um ser para ser amado...
um companheirismo desejado
que vai chegar,
para pôr fim ao AMAR SEM SABER COMO!!!

um beijo de miudaaa, completamente rendida às tuas palavras.

 
At 2/11/06 20:07, Blogger saturno said...

Que palavras tão serenas e suaves, ja estava com saudades de as ler.

Beijinhos!!

 
At 2/11/06 20:21, Blogger IsaMar said...

Oi...
Ao sabor do vento....ninguem gosta de estar...
Mas há o sentimento..esse é verdadeiro...de uma certa forma já é algo bom...
Calma e tem esperança por dias melhores.

Beijinhos madeirenses

 
At 2/11/06 20:32, Blogger Filipe said...

Enquanto que os dentes de leão seguem simplesmente a brisa, nós temos a capacidade de alterar o rumo.. muitas das vezes nós podemos fazer com que o vento seja mais fraco ou mais forte, de acordo com as nossas necessidades..

Beijos

 
At 2/11/06 21:01, Blogger Ghandy said...

Qualquer coisa serve..dizes tu....
Não é bem assim, para pessoas especiais, comentários especiais...
Que o vento leve e traga a felicidade, o amor, a partilha ....
que se espalhe e se multiplique...
fica bem

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

Free counter and web stats